Relatório da MP 905 restabelece registro profissional de jornalista e outras profissões

O relatório da Comissão Mista da Medida Provisória 905, do deputado Christino Áureo (PP-RJ), apresentado nesta quarta-feira 19/2, rejeitou o Artigo 51, que extinguiu o registro profissional de jornalistas e outras profissões.

A manutenção do registro profissional no Ministério da Economia é uma vitória dos jornalistas, dos seus sindicatos e da Fenaj, que se mobilizaram no Congresso e em campanhas em redes sociais desde a edição da MP pelo presidente Bolsonaro, em novembro do ano passado.

“Rejeitei a redação da Medida Provisória, ou seja, acatei todas as emendas que restabeleciam os registros profissionais”, informou o deputado. “O Ministério permanece tendo as atribuições e as profissões, o mesmo padrão de registro que tinham antes da publicação da Medida Provisória, em novembro.”

Segundo o deputado, “o mercado não está maduro” para a “modernização” dos registros profissionais, por meio de autorregulamentação. A intenção da comissão é dar “uma atribuição específica” ao Ministério para encaminhar essa modernização.

A MP 905 está em vigor desde o dia 12/11/19. Ela significa o fim da jornada de cinco horas, do pagamento de mais duas horas como horas extras e do descanso aos domingos. Por ela, qualquer pessoa pode ser contratada como jornalista, para ganhar R$ 1.500. No dia 18/11, portaria do Ministério da Economia já suspendeu a emissão de novos registros nas 14 profissões.

Os jornalistas realizaram assembleias em todo o país, demonstraram indignação e disposição de lutar pela manutenção do registro, em defesa da profissão. Uma campanha nacional foi deflagrada pelos sindicatos e pela Fenaj para barrar a MP 905, em especial o seu artigo 51, que foi suprimido no relatório da Comissão Mista.

Cliqua AQUI para ler o relatório em PDF.

[19/2/20]

 

Veja também

Jornalistas de Minas somam esforços na luta por direitos e pela vida das mulheres!

Se você passar em frente ao Sindicato das Jornalistas Profissionais de Minas Gerais, no dia ...

Um comentário

  1. Parabéns pela importante Vitória.
    Muito orgulhosa dessa luta e da conquista!

Deixe uma resposta para Bete D'Elia Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *