Revista AZMina seleciona pautas para bolsas de reportagem

A revista AzMina vai selecionar três projetos de reportagem sobre violência doméstica para receberem bolsa de R$ 5 mil. Podem concorrer repórteres mulheres. A seleção levará em conta originalidade, viabilidade, relevância da pauta, além de trabalhos anteriores das repórteres. As inscrições vão até o dia 11 de outubro e as selecionadas serão divulgadas no dia 18.

Segundo o Atlas da Violência, realizado pelo Ipea em parceria com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, o assassinato de mulheres dentro do ambiente doméstico cresceu 17% entre 2012 e 2017. No mesmo período, o assassinato de mulheres nas ruas caiu 3%. Foram 13 assassinatos de mulheres por dia só em 2017. E as mais atingidas são as mulheres negras: elas foram 66% das mulheres assassinadas no Brasil naquele ano. Mesmo 13 anos após a aprovação da Lei Maria da Penha e apesar da popularização do debate sobre o tema, os números mostram que a violência doméstica ainda é parte da realidade da vida das brasileiras.

Informações: https://azmina.com.br/reportagens/azmina-lanca-bolsas-de-reportagem-sobre-violencia-domestica/

Regulamento: https://azmina.com.br/wp-content/uploads/2019/09/Regras_bolsas_azmina_violencia-domestica.pdf

Incrições:  https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfoOEJHGTz3Y3uoeE97heRjRpBjVe3teOYMS4VudWFTCDnVUQ/viewform

 

#LutaJornalista

#SindicalizaJornalista

[2/10/19]

 

Veja também

Pesquisa analisa medidas de combate à desinformação adotadas por plataformas digitais

As grandes plataformas digitais têm enfrentado o fenômeno da desinformação? De que forma? Essas são ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *