Justiça manda Hoje em Dia reintegrar gráfico dispensado

A Justiça do Trabalho determinou a reintegração do gráfico Arquimedes Querino Pio aos quadros da Ediminas S.A., empresa que publica o jornal Hoje em Dia. Arquimedes é diretor do Sindicato dos Gráficos e foi arbitrariamente dispensado em dezembro de 2015. Ele trabalha no jornal há mais de 20 anos.

A sentença foi dada na segunda-feira 20/6, em ação movida pelo Sindicato, e deu prazo de 48 horas ao jornal para a reintegração do seu empregado. O juiz considerou que o direito de liberdade sindical foi violado. A Ediminas alegou ter encerrado as atividades do seu parque gráfico, mas o fato não foi considerado justificativa para demitir um dirigente sindical. O Sindicato argumentou ainda que a empresa continua em atividade e que terceirizou uma parte dos serviços para aumentar lucros.

Arquimedes está sem receber salário desde janeiro deste ano, enfrentando dificuldades financeiras, ajudado por vizinhos, colegas e pelo Sindicato. Ao todo, o Hoje em Dia dispensou cerca de 70 gráficos. O não pagamento das rescisões levou os trabalhadores a realizar uma série de protestos, em janeiro, inclusive ocupando a sede da empresa.

 

(Informações e imagem do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Gráficas, de Jornais e Revistas no Estado de Minas Gerais.)

Veja também

15 projetos de lei endurecem penas de crimes contra jornalistas no Brasil

Por Júlio Lubianco Num momento de piora da liberdade de imprensa no Brasil, pelo menos ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *