Guia orienta jornalistas para enfrentar eventos extremos

0
140

Com apoio da FENAJ, grupo de pesquisa da USP e Dix Conteúdo e Relacionamento lançam guia básico para jornalistas em cobertura de eventos extremos

O Observatório de Comunicação, Liberdade de Expressão e Censura (OBCOM), grupo de pesquisa da Universidade de São Paulo (USP), e a agência de Comunicação DIX Conteúdo e Relacionamento desenvolveram o Guia Básico para Jornalistas em Cobertura de Eventos Extremos – Preservando a Saúde Física e Mental em Situações de Intenso Estresse para contribuir com profissionais e empresas de Jornalismo que têm atuado e atuarão no futuro com eventos de grande impacto coletivo.

A publicação explica resumidamente como coberturas de situações extremas podem promover traumas, impactando na saúde dos profissionais que estão apurando, selecionando e distribuindo informações sobre os eventos, com dicas de como repórteres podem se preservar e como as lideranças podem proteger suas equipes.

O guia foi desenvolvido a partir da análise de artigos, vídeos e literatura sobre trauma, comunicação de risco e de estudos do OBCOM, em uma parceria do grupo de pesquisa com a DIX Conteúdo e Relacionamento em uma iniciativa probono.

A publicação também conta com a colaboração do ilustrador Eloenes Silva e apoio e divulgação da Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ), que historicamente produz conteúdo sobre o trabalho de jornalistas no país e o mais antigo relatório anual sobre violência contra jornalistas e comunicadores.

➡️ Mais informações em www.fenaj.org.br

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here