Por Marielle, memória e exemplo

0
116
Marielle Franco discursando em evento de 2016 - Foto: Mídia Ninja
Marielle Franco discursando em evento de 2016 - Foto: Mídia Ninja

Mauro Werkema

A figura de Marielle emociona. Não só por seu rosto iluminado, seu sorriso franco e alegre, espontâneo e contagiante, mas por sua trágica morte, história de vida, o discurso franco e correto, seu exemplo de combatente corajosa em favor das minorias, dos humilhados e ofendidos deste imenso e desigual Brasil. Compreende-se porque se tornou imagem e memória viva das lutas sociais no Brasil.

Seu assassinato não calou sua voz. Antes, ampliou-a com força extraordinária, em fenômeno que reforça sua dimensão humana e política e reanima o protesto pela desigualdade brasileira e o temor de retrocessos como o que nos ameaçou nos últimos quatro anos. Marielle tornou-se voz, forte, ressonante, a incomodar os indiferentes e os que, orgulhosos de seus privilégios, são incapazes de enxergar realidades e de solidariedade com seus semelhantes.

Marielle, hoje cidadã do mundo, habita a consciência viva de todos os que desejam um Brasil melhor. Sua vida, sua morte, tão trágica, estimula a todos a ampliar as lutas de resistência e pelas transformações. 

Marielle vive.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here