Hoje em Dia volta a atrasar salários

O jornal Hoje em Dia voltou a atrasar o pagamento dos salários dos seus empregados. O salário de outubro dos jornalistas não foi pago até o quinto dia útil de novembro, conforme prevê a lei. O Sindicato já acionou o Ministério do Trabalho, que marcou uma reunião para o próximo dia 14/11.

O Sindicato também recebeu inúmeras denúncias de irregularidades no registro do ponto eletrônico. Este assunto será motivo de outra mediação, marcada para 20/11, a pedido do Sindicato.

Diante do histórico de descumprimento da legislação trabalhista pelo jornal nos últimos anos – que culminou com a demissão de 38 jornalistas em 29 de fevereiro e 1º de março de 2016, sem pagar rescisão nem salário – o Sindicato acionou imediatamente o Ministério do Trabalho. Até hoje o pagamento dos demitidos coletivamente no ano passado ainda não foi feito. A ação está na Justiça do Trabalho.

O jornal está sob intervenção, determinada pelo juiz Marcos Vinícius Barroso, da 12ª Vara do Trabalho de Belo Horizonte, para garantir o pagamento da dívida trabalhista. Os sócios das empresas proprietárias do jornal estão proibidos de praticar quaisquer atos jurídicos em nome delas, sem aprovação judicial, tais como venda das cotas societárias das empresas, que ficarão em indisponibilidade e penhora.

[8/11/17]

Veja também

Ministério Público do Trabalho considera ilegal redução de salários no Estado de Minas e na TV Alterosa

O Ministério Público do Trabalho considerou ilegal a redução da jornada dos trabalhadores do Estado ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *