Denúncia de racismo contra jornalista em BH

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais cobra investigação urgente e rigorosa da grave denúncia dos crimes de racismo e calúnia contra a jornalista Etiene Martins por parte de um funcionário da rede Dia Supermercado, em Belo Horizonte, na última segunda-feira (4/1). O sindicato presta toda solidariedade à jornalista, cujo relato indica a prática inaceitável de injúria racial que acomete milhões de negras e negros no estado de Minas Gerais e em todo o Brasil durante o livre exercício de sua cidadania.

O ataque a Etiene (foto) é ainda mais doloroso pelo fato da jornalista ser uma das principais porta-vozes da questão negra em Minas, sendo criadora do jornal Afronta – primeira publicação independente dedicada ao tema –, ex-repórter da revista Raça Brasil e assessora de imprensa do Festival de Arte Negra de Belo Horizonte (FAN). O racismo praticado contra a profissional não diminuirá o vigor e alcance de sua produção jornalística e a força de sua colaboração para a construção de uma sociedade igualitária e sem preconceitos.

Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais

 

Veja também

MPT arquiva denúncia da chapa 1 contra eleição do SJPMG

O Ministério Público do Trabalho (MPT) arquivou nesta semana denúncia envolvendo o processo eleitoral para ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *