Livro relaciona mais de 100 atentados de direita ocorridos em Minas

O ativista dos direitos humanos Betinho Duarte lança nesta sexta-feira 28/8, às 19h, na Casa do Jornalista, o livro “Estamos vivos. A volta será pior – O DNA do terrorismo de direita em Minas Gerais”. O título faz referência à pichação feita pelo Comando de Caça aos Comunistas (CCC) no atentado ao jornal Em Tempo, em 1978. O dossiê escrito por Betinho Duarte elenca mais de 100 atentados terroristas feitos pela direita em Minas Gerais desde 1961, quando o jornal Binômio foi empastelado, até 1995. “Belo Horizonte é a capital dos atentados de direita”, enfatiza o autor.

O livro, que será distribuído gratuitamente, foi coordenado pelo jornalista Fernando Miranda e contou com apoio cultural da Cemig. Colaboraram com textos vários jornalistas, cientistas sociais e políticos. O ex-presidente do Sindicato dos Jornalistas Paulo Lott escreveu sobre os atentados sofridos pela Casa do Jornalista. A educadora Samira Zaidan, ex-presidente do Diretório Central dos Estudantes (DCE) da UFMG, escreveu sobre os atentados que atingiram o movimento estudantil.

No trabalho, Betinho consolidou um levantamento iniciado em 1978, quando era diretor da sucursal belo-horizontina do Em Tempo. “O livro apresenta ao leitor fatos e episódios desconhecidos de nossa história recente, relatados com humor e pitadas de sarcasmo”, informa o autor, acrescentando que o dossiê faz uma analogia entre o passado e o presente. Um dos textos, “Fascismo hoje e ontem”, é assinado pelo sociólogo Otávio Dulci.

Participam também do livro, além dos citados, Patrus Ananias, Durval Ângelo, Aloísio Morais, Geraldo Elísio Machado Lopes, Gilney Viana, Bizoca Greco, Ivan Cláudio Marx, José Carlos Alexandre, José Maria Rabêlo, Juarez Guimarães, Manoel Conegundes, Márcio Metzker, Otaviano Lage, Regina Helena Alves Silva, Robinson Ayres Pimenta, Zélia Castilho Rogedo e Emamuel de Oliveira César.

SERVIÇO
Lançamento do livro “Estamos vivos. A volta será pior – O DNA do terrorismo de direita em Minas Gerais”
Data: 28/8/15, sexta-feira
Horário: 19h
Local: Casa do Jornalista – Avenida Álvares Cabral, 400, Centro

Veja também

Câmara de Aracaju aprova exigência de diploma para jornalistas no poder público municipal

A Câmara Municipal de Aracaju (SE) aprovou por unanimidade nesta quarta-feira 21/10, em sessão remota ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *