Jornalistas decidem lutar pela reposição integral do INPC

Reunidos em assembleia, os jornalistas deliberaram por lutar pela reposição integral do INPC em todas as convenções e acordos coletivos firmados com o patronal – não somente nos salários, mas em todas as cláusulas econômicas –, além de pleitear aumento real de 5%, pois os salários estão defasados e sendo comidos pela inflação. Também foi aprovada a volta do abono, que era pago desde a década de 1990 aos jornalistas de rádio e Tv da capital, depois de uma greve histórica, e foi suspenso unilateralmente, pelos patrões, em 2019.

A assembleia foi realizada no dia 10, em dois horários, pela manhã e durante a tarde. Na semana que vem, a pauta vai ser enviada aos patrões na tentativa de antecipar as negociações da categoria, cuja data-base é o dia 1º de abril. Até sexta-feira, o sindicato está recebendo contribuições para as pautas das categorias de jornalistas. Algumas estão sem reposição das perdas da inflação desde a entrada em vigor da Reforma Trabalhista, em 2016.

Após a primeira reunião com os patrões (são diversas as entidades que representam os donos de jornais e emissoras no interior e na capital), o sindicato convocará nova assembleia.

Participe. Inscreva-se no zap (31 98239.4231) para receber os links das reuniões virtuais. Também será feita uma reunião conjunta com o Sindicato dos Jornalistas de São Paulo, que vai falar sobre a mobilização histórica da categoria ano passado, que garantiu reposição do INPC na convenção coletiva para jornalistas do impresso na capital paulista.

O SJPMG convoca os jornalistas para que participem da campanha salarial. Se não houver mobilização, não vai sair nem reposição da inflação; muito menos, ganho real. Desde 2016, as mudanças na legislação trabalhista favoreceram mais ainda os patrões, que não querem recompor os salários.

Veja também

“Nós temos um lado, nosso lado é o da classe trabalhadora e contra qualquer forma de opressão”: conheça Samira de Castro: candidata única a presidência da FENAJ

Por Nathália Avelino (*) Nos dias 26, 27, 28 de junho, a Federação Nacional dos ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *