Jornalistas deixam entrevista após Bolsonaro estimular apoiadores a hostilizarem repórteres

Os jornalistas que acompanhavam a fala do presidente Jair Bolsonaro na saída do Palácio da Alvorada nesta terça-feira deixaram o local da entrevista após o presidente mais uma vez estimular apoiadores para que hostilizassem e xingassem os repórteres.

Depois de uma pergunta sobre a postura do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, que tem dado orientações contrárias às de Bolsonaro durante a crise do coronavírus, um dos apoiadores começou a gritar que a imprensa colocava o povo contra o presidente. Bolsonaro reagiu incentivando o apoiador a falar e mandando que os jornalistas ficassem quietos.

Clique AQUI para ler a íntegra no UOL.

[31/3/20]

 

Veja também

Nova ameaça mira funcionários da Repórter Brasil, alvo de ataques na internet

Ataques ocorrem desde 6 de janeiro; site da organização foi tirado do ar; invasores querem ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *