ABI vai ao STF contra Bolsonaro por obstrução de Justiça no caso Marielle

Publicado pelo Brasil 247.

A Associação Brasileira de Imprensa (ABI) ingressou nesta segunda-feira (11) com uma notícia crime solicitando que o Supremo Tribunal Federal (STF) determine a abertura de um inquérito policial alegando que Jair Bolsonaro e o filho, vereador Carlos Bolsonaro, incorreram no crime de obstrução de Justiça no caso que envolve as gravações da portaria do condomínio Vivendas da Barra, onde ambos possuem residência, e que datam do dia do assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes.

Na ação, a ABI pede que o STF determine “a busca e apreensão do computador em que estão armanezanas as gravações do condomínio para a realização de perícia, incluindo as gravações do circuito interno de câmeras e do material eletrônico obtido indevidamente” por Bolsonaro e seu filho.

Clique AQUI para ler a íntegra da matéria.

 

#LutaJornalista

#SindicalizaJornalista

[11/11/19]

 

Veja também

Fenaj assume coordenação do FNDC para o biênio 2020/2022

O Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC), entidade com quase 29 anos de história ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *