Debate sobre o livro ‘Guerras Híbridas’ comemora 20 anos da editora Expressão Popular

A editora Expressão Popular lança, com um debate, na quarta-feira (18/9), a partir das 18h30, na Escola de Arquitetura da UFMG (Rua Paraíba, 697, Bairro Funcionários, BH), o livro Guerras Híbridas: das revoluções coloridas aos golpes, do jornalista russo Andrew Korybk. Participarão do debate a pesquisadora Ana Penido Oliveira, do Instituto Tricontinental de Pesquisa Social; Artur Colito, do movimento BRcidades e da UFMG; e o cientista político e professor da UFMG Juarez Guimarães.

O lançamento comemora os 20 anos da editora. Os 50 primeiros inscritos no debate serão presenteados com um exemplar do livro. Clique AQUI para se inscrever. Informações pelo Whatsapp (31) 9-8414-8686.

O livro Guerras Híbridas se baseia nos estudos acadêmicos de Andrew Korybko, defendidos em dissertação de mestrado intitulada Guerras híbridas: abordagem adaptativa indireta com vistas à troca de regime, na Universidade de Relações Internacionais da Rússia, em Moscou, em 2015.

O autor chama de “guerra híbrida” a articulação de revoluções coloridas e guerras não convencionais para substituir governos no século XXI. Nesta perspectiva, novas táticas são usadas pelos Estados Unidos para derrubar governos não alinhados à sua política internacional e aumentar seu poder de influência na região da Euroásia. Apesar do estudo de caso se concentrar em conflitos ocorridos na Síria e Ucrânia, o modelo de intervenção indireta dos EUA pode ser observado na América Latina e no Oriente Médio.

Segundo o livro, as mídias sociais e tecnologias similares são as novas armas para atacar cirurgicamente governos e mudar regimes políticos, sem o expediente tradicional da ocupação militar estrangeira ou bombardeios de mísseis teleguiados. O novo exército é recrutado no Facebook, blogs e salas de bate-papo, e atua como movimento de manifestantes e insurgentes nos espaços públicos. Para o autor, a guerra híbrida é o novo modelo de intervenção para o século XXI.

O lançamento é organizado pela Expressão Popular, Escola Sindical 7 de Outubro, Frente Brasil Popular, Brasil de Fato e Brcidades, com o apoio do CUT Minas Gerais, Sindieletro-MG, ABJD, Interdisciplinar, Sindipetro-MG, Sinter-MG e SindUTE-MG.

(Com informações da Escola de Formação Sindical 7 de Outubro.)

 

#LutaJornalista

#SindicalizaJornalista

[11/9/19]

 

Veja também

‘Rolê nas Gerais’, novo programa da Globo, estreia neste sábado 21/9

As jornalistas Renata do Carmo e Tábata Poline (foto) comandam neste sábado 21/9 Rolê nas ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *