Campanha Salarial 2019/2020: Sindicato visita redações

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais está percorrendo as redações da capital para discutir a campanha salarial deste ano dos profissionais de rádio e televisão, e também de sites e impressos. A intenção é colher sugestões para a pauta de reivindicações que será apresentada no dia 2 de abril aos sindicatos patronais. A data base da categoria é 1º de abril. A proposta é de renovação da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) de rádio e televisão 2019/2020 e tentativa de retomar as negociações com o sindicato patronal de jornais e revistas.

Em 2018 não houve acordo com o sindicato patronal de jornais revistas e este ano ainda não há por enquanto qualquer sinalização de retomada d negociação. Com a Sempre Editora (jornais O Tempo, Pampulha, Super e Rádio Super) foi renovado um acordo em separado. Foi também fechada CCT com o Sindijori (jornais e revistas do interior), no fim do ano, que incluiu 2018 e 2019.

Apesar de todos os esforços do SJPMG em negociações diretas e também intermediadas pelo Ministério do Trabalho e Ministério Público do Trabalho, o sindicato patronal de jornais e revistas (comandado pelos Associados Minas e que engloba EM, HD, Diário do Comércio, Balcão, Metro e todos outros jornais impressos e sites da capital) não concordou em assinar a CCT.

O assunto está sendo tratado na central de conciliação da Justiça do Trabalho, mas é importante a retomada das mobilizações para que haja a renovação das convenções.

Já foram visitadas as redações da TV Globo, Rádio Inconfidência, Diário do Comércio, Rádio Itatiaia. Hoje o Sindicato visita o Estado de Minas e amanhã a TV Alterosa e Record. Na quinta o Hoje em Dia.

Em algumas redações em que a entrada do Sindicato não for permitida pela direção da empresa, a reunião será feita na portaria.

Caso não seja possível, será realizado no dia 1º de abril, às 19h, uma assembleia geral na sede do Sindicato (Avenida Álvares Cabral, 400), para que todos possam participar.

TRIÂNGULO

Também serão feitas visitas às principais redações do Triângulo Mineiro e assembleias de jornais, revistas, saites, televisões e rádios.

No dia 1/4 , segunda-feira, às 19h, será feita uma assembleia dos jornalistas na sede do Sindicato dos Professores (Sinpro), na Rua Olegário Maciel, 1212, em Uberlândia, no bairro Lídice.

Em Uberaba, a assembleia será no dia 8/4, segunda-feira, às 18h30, também na sede do Sinpro (Rua Alfen Paixão, 105, bairro Mercês).

O Sindicato esclarece ainda que a campanha salarial vai ser feita em nome de todos os jornalistas, sindicalizados ou não. Este ano, o Sindicato dos Trabalhadores em Rádio e Televisão decidiu, em assembleia, que o tradicional abono pago aos radialistas – que também é recebido pelos jornalistas – só será negociado para radialistas sócios ativos da entidade.

#LutaJornalista

#SindicalizaJornalista

[27/3/19]

Veja também

Sakamoto: jornalistas estão em perigo e situação vai piorar

Os jornalistas estão em perigo, porque suas matérias estão irritando os poderosos. Vivemos um momento ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *