Fotógrafos mineiros se posicionam em defesa da democracia

A exemplo de fotógrafos de São Paulo e do Rio de Janeiro, dezenas de fotógrafos mineiros (foto) se posicionaram na noite de quinta-feira 25/10 em defesa da liberdade e da democracia. O encontro aconteceu na Casa do Jornalista e reuniu profissionais da Associação dos Repórteres Fotográficos e Cinematográficos de Minas Gerais (Aarfoc-MG), Jornalistas Livres, Mídia Ninja e coletivos diversos, além de fotógrafos de publicidade, casamento e outros.

“Foi uma reunião apartidária”, disse Leo Drumond, da Arfoc-MG. “Mais do que um posicionamento em relação à eleição de domingo, foi uma reflexão sobre a importância da imagem no registro e na denúncia dos tempos difíceis que estamos vivendo.”

Ele acrescentou que o encontro confirmou mais uma vez o papel da Casa do Jornalista como espaço de resistência democrática.

Os fotógrafos aprovaram ações de curto prazo e a determinação de permanecerem unidos, trocando experiências e defendendo a democracia e a liberdade, contra a censura, as violações aos direitos e o discurso de ódio.

Os fotógrafos também endossaram o manifesto divulgado por profissionais do Rio e de São Paulo na internet. O manifesto, que nesta sexta-feira já tinha quase 1.100 assinaturas, pode ser lido clicando aqui.

(Crédito da foto: Bruno Figueiredo / Área de Serviço.)

 

#LutaJornalista

#SindicalizaJornalista

[26/10/18]

Veja também

Estudo global revela efeitos da pandemia no jornalismo

Por Taylor Mulcahey, IJNet A pandemia de covid-19 impactou muitos jornalistas e redações de uma ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *