Hoje em Dia frauda imposto de renda de jornalistas demitidos

O jornal Hoje em Dia cometeu mais uma irregularidade contras seus empregados, desta vez envolvendo a Receita Federal. Nas informações de rendimentos entregues a jornalistas dispensados em 29 de fevereiro e 1º de março de 2016, a empresa declara o pagamento de verbas recisórias, sendo que não pagou nem um centavo do acerto, e nem mesmo o salário de fevereiro. Além de números relativos à recisão, outros valores aleatórios foram declarados. O fato compromete a declaração de Imposto de Renda dos trabalhadores, que podem cair na malha fina.

Em mediação realizada na Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE) na sexta-feira 24/3, representantes do Hoje em Dia se comprometeram a corrigir informações sobre salários e desconto de imposto de renda na fonte que estavam sendo entregues aos seus empregados. O jornal prometeu fornecer o novo informe de rendimentos retificado nesta quarta-feira 29/3, tanto para os empregados atuais quanto para os dispensados em 2016. No entanto, jornalistas dispensados receberam os informes contendo erros grosseiros, como o pagamento da verba recisório que não aconteceu.

O presidente do Sindicato, Kerison Lopes, fez uma cobrança formal ao diretor do jornal Thiago Muniz e pediu a retificação urgente do documento. Ouviu como resposta que o erro foi causado por um problema administrativo não intencional. Thiago Muniz prometeu fazer a retificação em até 72 horas e enviar novos informes corretos.

Kerison lembra que não é a primeira vez que a empresa alega problemas administrativos para justificar o que, na verdade, são fraudes contra os jornalistas.

Em 2016, trabalhadores da TV Alterosa caíram na malha fina da Receita Federal pelo mesmo motivo. Isso também aconteceu, há mais tempo, com jornalistas do Diário do Comércio. Este ano o problema voltou a atingir jornalistas da Alterosa e do Estado de Minas, além do Hoje em Dia, motivando mediações no Ministério do Trabalho a pedido do Sindicato.

[30/3/17]

Veja também

SJPMG e Fenaj repudiam agressões a repórter da TV Integração em Prata (MG)

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Minas Gerais e a Federação Nacional dos Jornalistas vêm ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *