Solidário com colegas demitidos, Eduardo Costa deixará de publicar coluna no Hoje em Dia

Inconformado com a decisão da diretoria do jornal Hoje em Dia, comprado pelo político e empresário Ruy Muniz, de não quitar as verbas rescisórias dos 36 jornalistas e 22 profissionais de administração demitidos recentemente, o jornalista Eduardo Costa decidiu, nesta segunda-feira 14/3, deixar de publicar sua coluna no jornal.

“Ele tomou esta decisão ao saber do calote que o jornal, que foi comprado pelo prefeito de Montes Claros, Ruy Muniz, está dando em 36 jornalistas e 22 funcionários do administrativo. Eles foram colocados na rua sem receber nada, verba rescisória, acesso ao FGTS, nada. O caloteiro não pagou nem o salário de fevereiro”, disse o presidente do Sindicato dos Jornalistas, Kerison Lopes. 

Em audiência realizada no Ministério do Trabalho, a diretoria do Hoje em Dia prometeu saldar as dívidas, o que não aconteceu. Para tentar driblar a legislação, o jornal depositou, na semana passada, apenas R$ 500 na conta dos demitidos.

Em sua conta no Facebook, Kerison agradeceu e parabenizou a atitude de Eduardo Costa. “Obrigado pela solidariedade, Eduardo. Você me fez acreditar ainda mais na dignidade dos jornalistas”, escreveu.

Veja também

Fenaj divulga edição anual do Relatório da Violência Contra Jornalistas na próxima terça 26/1

Na próxima terça-feira, 26 de janeiro, às 10 horas, a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) ...

Um comentário

  1. Cristiana Teixeira

    Eduardo Costa, um dos melhores jornalistas da rádio Itatiaia. Durante meu estágio de férias a PUC Minas-Arcos não conseguiu convênio com a emissora. Fiz na rádio América, mas “trombei” várias vezes com ele. Não é de se esperar outra atitude deste grande profissional. Não adianta pensarmos em nossos próprios umbigos se nossos colegas estão em dificuldades. Todos precisamos sobreviver e unidos conseguiremos a vitória!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *