Fenaj recebe cartuns sobre direitos humanos até 30 de outubro

A Federação Nacional dos Jornalistas articula com os Sindicatos de Jornalistas brasileiros a seleção de cartuns para a Mostra Nacional comemorativa dos 67 anos da Declaração dos Direitos Humanos, em 10 de dezembro, data que será inaugurada em Brasília. O prazo de entrega dos trabalhos é 30 de outubro.

O Dia Internacional dos Direitos Humanos alude à data em que a Declaração Universal dos Direitos Humanos foi adotada pela ONU, em 1948. Também iniciando as comemorações dos 70 anos da Fenaj, fundada em 20 de setembro de 1946, a Mostra Nacional resulta de um protocolo firmado entre a entidade e a Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados. O projeto visa a promover a paz, a democracia e fortalecer os direitos humanos.

Cada Sindicato de Jornalista deve indicar um cartunista para fazer e enviar, até 30 de outubro, um trabalho sobre um dos artigos da Declaração dos Direitos Humanos para compor a exposição organizada pela CDH. Estuda-se, também, a possibilidade dos trabalhos selecionados fazerem parte de publicação comemorativa aos 67 anos da Declaração e 70 anos da Fenaj.

“A Fenaj assumiu este compromisso com a CDH da Câmara para compartilhar desta atividade importante para a história dos direitos humanos num momento singular da realidade brasileira”, conta o presidente da Federação, Celso Schröder. Segundo ele, este é um bom momento para prestigiar os cartunistas brasileiros, que tiveram um importante papel no processo de redemocratização do Brasil como expressão da liberdade, e também para iniciar as atividades comemorativas aos 70 anos da Federação.

(Publicado no saite da Fenaj. Imagem: a Graúna, do cartunista Henfil.)

 

Veja também

Fenaj adere à campanha Tributar os Super-ricos

Conjunto de medidas propostas pode elevar a arrecadação em cerca de R$ 300 bilhões e ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *