Editora Três atrasa salários e jornalistas PJ cogitam paralisação

Desde a semana passada, jornalistas que atuam no regime Pessoa Jurídica (PJ) nas revistas da Editora Três, entre eles editores, repórteres e profissionais de arte, cobram atrasos no pagamento de salários. Os funcionários contratados como CLT estão com os vencimentos em dia.

A informação é do Portal Imprensa, que apurou ainda que na última quarta-feira (6/5), a empresa admitiu ao Sindicato dos Jornalistas de São Paulo o atraso nos pagamentos em razão de problemas no fluxo de caixa e garantiu à entidade que acertaria os salários entre quinta (7/5) e sexta-feiras (8/5).

O Sindicato agendou para esta sexta-feira, às 17h, reunião com os jornalistas da editora. Caso não haja o pagamento nem a definição de uma data para a quitação dos débitos, os profissionais cogitam uma paralisação na segunda-feira (11/5).

(Publicado pelo Portal dos Jornalistas, em 8/5/15.)

Veja também

15 projetos de lei endurecem penas de crimes contra jornalistas no Brasil

Por Júlio Lubianco Num momento de piora da liberdade de imprensa no Brasil, pelo menos ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *